16 de Maio, 2018

Deixe que a graça do Batismo frutifique no caminho de santidade, pede Papa

Francisco concluiu o ciclo de catequeses sobre o Batismo

Refletindo sobre o tema “revestidos de Cristo”, o Papa Francisco concluiu o ciclo de catequeses sobre o Batismo na Audiência Geral desta quarta-feira, 16, com a presença de milhares de fiéis e peregrinos na Praça São Pedro.

O Santo Padre observou que os efeitos espirituais do Sacramento do Batismo são explicitados pela entrega da veste branca e da vela acesa. Segundo ele, são sinais visíveis que manifestam a dignidade dos batizados e sua vocação cristã.

“A veste branca anuncia a condição dos transfigurados na glória divina. Esta é símbolo da graça, que faz da pessoa batizada uma nova criatura, revestida de Cristo. Revestir-se de Cristo, como recorda São Paulo, é revestir-se de sentimentos de ternura, de bondade, de humildade, de mansidão, de magnanimidade, de perdão e, sobretudo, de caridade”, explicou o Papa.

Sobre o simbolismo da vela acesa, Francisco elucidou que recorda a luz de Cristo que venceu as trevas do mal. “A chama do Círio Pascal inflama o coração dos batizados, enchendo-os de luz e calor. Desde a antiguidade, o Sacramento do Batismo é dito também iluminação e os neófitos são chamados iluminados”.

O Santo Padre reiterou que esta é a vocação cristã: “Caminhar sempre como filhos ou filhas da luz, perseverando na fé. (...) A presença viva de Cristo, a ser protegida, defendida e dilatada em nós, é lâmpada que ilumina os nossos passos, luz que orienta as nossas escolhas, chama que aquece os corações a ir ao encontro do Senhor, tornando-nos capazes de ajudar quem caminha conosco, até a comunhão inseparável com Ele”.

Concluindo o ciclo de catequeses sobre o Batismo, o Papa reforçou o convite feito na Exortação Apostólica Gaudete et Exsultate: “Deixe que a graça do seu Batismo frutifique num caminho de santidade. Deixe que tudo esteja aberto a Deus e, para isso, opte por Ele, escolha Deus sem cessar. Não desanime, porque tem a força do Espírito Santo para tornar possível a santidade e, no fundo, esta é o fruto do Espírito Santo na sua vida”.


Fonte: Amex, com Rádio Vaticano


comments powered by Disqus