23 de Janeiro, 2019

Devoto de Padre Donizetti relata graças testemunhadas em Tambaú

Honorato Aparecido e a família visitaram o Santuário de Tambaú para rezar pela beatificação do Venerável

Honorato Aparecido é devoto de Padre Donizetti e Nossa Senhora Aparecida desde a infância.

Em visita recente ao Santuário de Tambaú, o morador de São João da Boa Vista (SP) contou que, aos 12 anos, esteve na “cidade dos milagres”, acompanhado por seus pais.

Na época, o devoto testemunhou dois casos relacionados ao sacerdote que ficaram marcados em sua memória.

“Era uma multidão que se espalhava pela praça da Igreja. Um romeiro que estava ao nosso lado foi assaltado, levaram a sua carteira. O pároco disse que, enquanto não devolvessem a carteira do infeliz, o caminhão não sairia do lugar. Realmente se confirmou, pois, o caminhão patinava e não conseguia se movimentar. Alguém apareceu e entregou a carteira ao rapaz. Somente nesse momento, o caminhão saiu e pegou a estrada de volta”, recordou.

Honorato também relatou o outro caso que chamou sua atenção: “O administrador da fazenda em que eu morava veio trazendo um guarda-chuva para tirar um sarro com o Padre, dizendo que estava com a perna quebrada. É lógico que o Padre sabia que era mentira, mesmo assim deu-lhe a bênção. Retornando para a fazenda, estava andando em uma égua e acabou caindo sobre uma tora de lenha, fraturando a perna de verdade. Arrependeu-se completamente por ter zombado dele”.

Acompanhado da esposa Benedita, da filha Maria de Fátima e do genro José Carlos, o sanjoanense participou da Missa no Santuário e visitou a Casa Museu de Padre Donizetti.

Antes de retornar para sua cidade, fez questão de frisar: “Estou com a família nesta terra onde viveu um santo. Estamos rezando para que ele seja beatificado o quanto antes pela nossa Igreja, porque realmente teve uma vida santa dedicada aos mais necessitados”.

 

Por: Francisco Sartori