24 de Março, 2015

Pai pede pelo filho recém-nascido e alcança a graça

Todo ano família visita Tambaú para rezar e agradecer o Pe. Donizetti por todas as graças alcançadas por vosso intermédio
Agnaldo Ribeiro Feitoza, residente na região central de Américo Brasiliense, interior de São Paulo, ouvia a “bênção milagrosa” do Pe.Donizetti pelo rádio e se tornou seu devoto. Quando seu filho nasceu, necessitava realizar transfusão de sangue, situação muito complicada para um recém nascido. "Quando o médico disse que teria que trocar todo sangue do menino, na hora me veio na cabeça a figura do Pe.Donizetti que já conhecia através do rádio", disse o pai da criança. Naquele exato momento ele pediu a intercessão do Servo de Deus para cuidar de seu “pequeno” que corria risco de morte.
             O filho Reinaldo Ribeiro Feitoza nasceu com problema sanguinio e seria necessário trocar todo seu sangue. Fez a primeira transfusão e à noite, quando foi fazer a segunda, o médico chamou os pais e disse que não poderia garantir mais nada: a saúde da criança estava em jogo. Passou por cinco juntas médicas em Ribeirão Preto, no Hospital São Francisco. O sangue era retirado pelo pé e o novo sangue entrava pelo umbigo. Situação extremamente delicada para um recém nascido; porém, não havia outra saída. Se a transfusão não fosse feita ele poderia morrer antes de completar a idade adulta.
           Dona Conceição Lourdes Cristóvão Feitoza, mãe do garoto Reinaldo, relata a emoção da graça alcançada:- “A situação chegou num determinado ponto que não havia outra alternativa. Tinha que ser feito da maneira que os médicos determinaram. Meu marido sempre teve muita fé no Pe.Donizetti. Foi ele quem intercedeu pela cura do meu filho que hoje está com 43 anos, com muita saúde.”
           Já se tornou uma tradição: todo ano eles visitam Tambaú para rezar e agradecer o Pe. Donizetti por todas as graças alcançadas por vosso intermédio.