04 de Novembro, 2014

Surdo mudo é curado por intercessão do Pe.Donizetti

Filho nasceu com deficiência auditiva devido a rubéola adquirida pela mãe durante a gravidez
A presença da senhora Aparecida Fernandes Siqueira na cidade de Tambaú-SP, no domingo, 12, dia consagrado a Nossa Senhora Aparecida, teve um motivo muito forte: ela veio agradecer pela cura de seu filho Vanderlei. Ele nasceu com deficiência auditiva devido a rubéola adquirida pela mãe durante a gravidez; portanto, era surdo e mudo de nascência.
          O pedido foi feito pelo pai, senhor Aparecido Osvaldo Siqueira, quando o menino tinha 5 anos. Era funcionário dos Correios da cidade de Ribeirão Preto e todos os dias vinha a Tambaú trazer o malote. Trouxe a foto do garoto e com muita fé pediu ao Pe.Donizetti para que ele intercedesse pela sua cura e tivesse uma vida normal. Com o passar do tempo foi desenvolvendo a fala e começou a ouvir para alegria de todos os familiares, até ficar completamente curado.
          Hoje, com 38 anos, Vanderlei é uma pessoa sadia e totalmente recuperada. Para se ter uma ideia de sua profissão é DJ, colocando o som e animando as festas, sempre com muita alegria e descontração.
          A família residente em Ribeirão Preto-SP, no bairro Adão do Carmo Leonel, faz questão de vir a Tambaú para agradecer o Servo de Deus Pe.Donizetti e visitar a casa de Nossa Senhora Aparecida, coincidindo nesta data em que comemoramos o dia da “Padroeira do Brasil”.
           Como disse Dom Antonio Augusto Dias Duarte, Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro, na abertura do III Encontro de Postulação: “A Santidade é um atributo de Deus”. Realmente, Deus realiza o “milagre” através do pedido direcionado com muita fé a quem teve uma “Vida Santa”.